Até que não foi tão ruim

|
Ao perder para o Luverdense na terça-feira,  a sexta derrota nas últimas sete partidas, o Avaí vislumbrava um cenário ainda mais complicado para o complemento da 33ª rodada. Os jogos de sexta e sábado poderiam isolar o Leão da Ilha para a 7ª colocação na tabela da série B, o que praticamente alijaria Geninho e alguns de seus barbados descompromissados da luta pelo acesso.
Mas quis o Sobrenatural de Almeida que apenas o Atlético/GO não fizesse a sua (nossa) parte, e ao vencer o Vila Nova por 3x1 nos fez cair uma posição, conquanto empatados com eles nos mesmo 52 pontos. Isso só foi possível porque o Santa Cruz tomou 1x0 do América/RN em uma Arena Pernambuco lotada e o Ceará amarelou para o Boa levando 3x1 ao natural.
Na próxima rodada o Avaí pega o Oeste na Ressacada e o Atlético/GO vai a Fortaleza enfrentar o Ceará, o que torna possível ao Avaí voltar para o G4. Os matemáticos estão refazendo seus cálculos, o torcedor voltou a acreditar, a roupa suja já foi lavada no vestiário, enfim, falta mais alguma coisa para que o time entenda que ainda dá para salvar a temporada? Apesar da complicada sequência de jogos, de todos os seus "esforços" para não subir, o Leão continua vivo.

Um comentário:

Sergio Nativo disse...

O folclorico Teixeira é mais um dos torcedores históricos que não retornam a Ressacada enquanto se fizer uma limpa.

Postar um comentário