O que não falta é novidade

|
O dia de ontem foi pródigo em notícias alvissareiras para o microcosmo avaiano desse imenso planeta azul. A primeira, que se não se tratasse de Avaí certamente passaria batida por todos, é que os R$ 8 milhões referentes à desapropriação de um terreno da Ressacada pelo Estado, além de zerar os vencimentos atrasados do clube, ainda permitiram antecipar o 13º salário de funcionários e jogadores. E dá-lhe manchetes na imprensa e celebração dos torcedores pelo feito heróico no Sul da Ilha.
Papo ensaboado - Foto Diego Madruga
Ainda fora dos gramados, estourou a informação de que o América-MG pretende denunciar Boa Esporte por ter contratado seis atletas de outros clubes da Série B, quando o regulamento permite apenas cinco. Essa atitude pode ser acompanhada por Avaí, Atlético/GO e Ceará, pretendentes a vaga do Boa no G4 e consequentemente ao acesso para a série A de 2015. Independente do resultado desse imbróglio jurídico, é de se lamentar que mais uma vez o Campeonato Brasileiro possa ser decidido nos tapetões do STJD.
Para finalizar o santo post da nossa sexta-feira que antecede a partida decisiva de amanhã entre Santa Cruz e Avaí no Recife, Geninho teve uma rápida conversa com Bocão e Diego Felipe para informá-los que ambos permanecem fora do grupo relacionado para as partidas. O técnico justificou a continuidade da medida pela queda de rendimento da dupla, ressaltando que "O fora do campo nada influenciou". Não ficam nem no banco mas não é pelo extra-campo, entenderam? Será que Geninho acredita que alguém acredita nesse argumento?

Nenhum comentário:

Postar um comentário