Avaí, de primeira

|
Entrevista de Carlos Arini ao Globo Esporte: "Reação imediata - Não só o torcedor do Avaí, mas como nós (sentimento ruim). Estivemos na Ressacada e é preocupante, a diretoria, comissão, jogadores, estamos envergonhados com dois pontos em 12, nenhuma vitória. Mas tem que ter calma e com atitude e vamos resolver isso no vestiário e no grupo para resolver.
Buscar alternativas
Tenho minha parcela de culpa. Estou envolvido no processo e tenho que buscar algum tipo de saída. Agora a principal é dentro do vestiário e conversar para reverter o quadro. O torcedor quer ver o time com raça, vibrando e com vitórias. Não adianta falar muito, é preciso trabalhar e ganhar jogos.
Mudança de atitude
Um time que vai para a Série A é natural essa cobrança. Temos que saber absorver as críticas, as cobranças e saber reverter isso. O torcedor está cobrando e temos que trabalhar. Se fomos buscar contratação, vamos. Senão, vamos no vestiário tentar resolver e de alguma maneira tem que mudar."

Nenhum comentário:

Postar um comentário