Avaí, de primeira

|
Matéria base Gazeta Esportiva: "Hoje, às 16 horas, o Avaí receberá o rival Figueirense na Ressacada. O clássico não contará com muitos jogadores, já que ambas as equipes apresentam uma longa lista de desfalques para o duelo. Como o Leão está lutando para fugir do rebaixamento e o Alvinegro pela liderança, a partida tem um grau de importância grande para os dois times.
O Avaí não está bem dentro e fora de campo. O time só conseguiu somar seis pontos em sete partidas, mas pode perder todos esses pela escalação irregular do zagueiro Antônio Carlos. Deste modo, o Leão precisa de uma vitória do clássico para levantar o moral do elenco e da torcida, que já vem fazendo críticas ao time neste início de temporada.
O técnico Geninho não poderá contar com Roberto, vetado pelo departamento médico, Philipe Maia, que está suspenso, e Marrone, com lesão nos ligamentos do joelho. Contudo, o comandante comemorou a volta do meia Marquinhos, que estava cumprindo uma suspensão do Campeonato Catarinense do ano passado, e de Willian Rocha, que havia sido liberado por causa da morte do irmão, mas treinou na última sexta-feira e deverá estar em campo no domingo.
“A base daquele time joga. Não vai haver mudanças terríveis. Mas pode acontecer que existam duas ou três mudanças. Vamos ver como a gente monta um time que tenha a possibilidade de nos trazer um resultado em um jogo tão importante quanto o clássico”, revelou Geninho.
Assim, tentando manter a mesma base do time que atuou contra o Guarani de Palhoça na última quinta-feira, o técnico deve escalar um time com Vagner; Pablo, Ronaldo Alves, Antônio Carlos e Willian Rocha; Uellinton, Claudinei, Tinga e Marquinhos; Anderson Lopes e André Lima."

Nenhum comentário:

Postar um comentário