Confirmado o duplo vexame

|
Como esperado, ontem o Avaí perdeu mais uma "partida", desta vez no tapetão do TJD/SC. Lá se foram seis pontos pela escalação irregular de Antônio Carlos na única vitória da equipe até aqui, diante do Marcílio Dias, mais R$ 8 mil de multa e assim se confirma na lanterna isolada.
A essas alturas o torcedor não sabe onde concentrar a sua fonte de humilhação: se no desempenho vergonhoso dentro dos gramados ou na bagunça organizacional das salas de tijolinho à vista da Ressacada. Não importa qual seja a escolha, qualquer uma dessas será suficiente para ver que o Avaí está largado nas mãos de pessoas pouco afeitas à gestão do futebol.
Enquanto Geninho vai hoje a Lages com o time reserva enfrentar o Internacional e fechar essa sua campanha melancólica, ficamos aqui na Ilha esperando o cumprimento das muitas promessas feitas e até agora não cumpridas: a parceria com os chineses, o patrocinador master, a nova arena, a reforma do Estatuto, o "novo CD oxigenado" e uma auditoria externa na administração passada.
E para essas pendências não adianta pedir ajuda ao Boa, ao América/MG e ao Atlético/GO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário