Avaí, de primeira

|
Avaí pede efeito suspensivo para Marquinhos - Após reunião entre comissão técnica e os departamentos jurídicos e de futebol, o Avaí decidiu entrar com um pedido de efeito suspensivo para o meia Marquinhos. O presidente Nilton Macedo Machado confirmou a decisão nesta quarta-feira, após prestar depoimento à Polícia Civil sobre o caso dos vídeos que estão incitando a violência.
O jogador foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por dar uma joelhada no volante Paulo Roberto durante o último clássico na Ressacada. O efeito é previsto na lei 9.615, conhecida como Lei Pelé, que prevê a liberação do atleta até o próximo julgamento em casos de punição que ultrapassem duas partidas consecutivas. O caso agora será julgado pelo Pleno do STDJ e Marquinhos estará liberado assim que o órgão conceder o efeito.
Marquinhos havia sido denunciado no artigo 254 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que fala sobre "agressão física durante a partida". A punição era de quatro a doze jogos. No entanto, a defesa conseguiu mudar para o artigo 250, que condena "ato hostil". Nesse artigo, a pena vai de um a três jogos. Matéria base Infoesporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário