Marquinhos de novo no banco

|
Renan Oliveira, Denner, Edinho, Toshi ou Juninho. O torcedor avaiano já pode ir fazendo a sua escolha para o substituto de Marquinhos para as próximas 4 ou 12 rodadas do Campeonato Brasileiro.
Isso porque hoje o nosso cabeça às vezes não pensante estará mais uma vez no banco dos réus do STJD, agora sendo julgado pela agressão com uma joelhada pelas costas ao volante Paulo Roberto no primeiro clássico pela Copa do Brasil, no último 6 de maio, na Ressacada.
Por ser (muito) reincidente, as possibilidades do galego pegar a pena cheia são grandes, o que remete o problema para a comissão técnica e departamento de futebol. Espécime único em habilidade criativa na meia, vem a dúvida se a equipe consegue se manter sem a sua peça de armação.
Mudar o sistema tático, ir para o mercado em busca da solução ou apostar no elenco atual, essa é a questão. Mentira, não vamos fazer média com o tema. Mesmo que M10 ficasse de fora pelo resto do campeonato, sabemos que ainda assim a "solução" seria caseira. Sanear as finanças é o foco.

3 comentários:

Rafael Lautert disse...

O único capaz de liderar essa meiuca é Cleber Santana. está desmotivado na série B no Criciuma. Traria ele fácil, já que quem trouxe da 1ª vez foi o Arini

Paulo Ernesto Medeiros disse...

Já fui admirador do Marquinhos mas a cabeça pouco pensante dele faz com que a decepção, pela conduta em campo, seja mais forte. No esporte o bom exemplo é muito importante. O maior prejudicado é o próprio Avaí, que deve ficar sem o jogador por algum tempo.

GeorgeAB disse...

Antes de tudo é tirar o Pablo do meio.

Postar um comentário