Um Avaí diferente no Serra Dourada

|
Nenhum time sério toma um sacode de 4x1 dentro de casa, com direito ao visitante tirá-lo para dançar a marcha do adeus e fica tudo por isso mesmo. Gilson Kleina aprendeu a lição de ter jogado todo aberto diante do Galo Mineiro, percebeu os buracos do tamanho do cânion do Itaimbezinho na zaga e meio de campo, daí resolveu que é hora de mudar o sistema de jogo. Gostei da atitude.
Saindo do 4-4-2 para o clássico 3-6-1, o técnico do Avaí busca dar mais consistência na contenção de um Goiás que chega esganado para uma vitória nesse domingo, no Serra Dourada. Não só pelos três preciosos pontos, mas principalmente porque os esmeraldino vêm de duas partidas sem vitórias.
As alterações na equipe azurra se darão pelas lesões de Marquinhos e Roberto, sendo que o galego será substituído por Renan Oliveira. Hugo foi sacado para a entrada de um terceiro homem na zaga, o que nos dá a dica dos 11 para hoje: Vagner; Antonio Carlos, Jéci e Emerson; Nino Paraíba, Renan, Eduardo Neto, Pablo, Renan Oliveira e Romário; Anderson Lopes. Um empate vai bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário