Hugo, do limbo para a luz

|
A lesão de Anderson, a suspensão de Roberto e o tamanho da pança de William devem ser as justificativas para todas as manchetes em torno da reintegração do atacante Hugo ao elenco do Avaí.  Após a atitude indisciplina na partida contra o São Paulo, pela oitava rodada do Brasileirão, o atleta passou a treinar em separado. Fora os dois gols marcados diante do Flamengo na terceira rodada, não lembro de alguma nota que mereça destaque em relação a esse jogador. Ontem retornou ao grupo principal, participou do treino em Águas Mornas e já está à disposição de Gilson Kleina. De positivo desse fato, é a sensação de que o Avaí não é aquela "casa da sogra" de tempos recentes. Que assim seja, real, e não apenas um espasmo de organização do Depto de Futebol. Foto A Tribuna

Nenhum comentário:

Postar um comentário