Quando não há nada para informar

|
O Avaí teve uma semana para se preparar para a difícil partida de amanhã diante do Cruzeiro, no Mineirão. Embora seja um confronto onde a Raposa tenha ampla vantagem histórica, jamais tendo sido derrotado pelo Leão da Ilha, o clima na Ressacada é o que poderíamos chamar de bom. Na 13ª colocação, na sequência pega o Atlético/PR em casa e vai até Joinville tentar jogar mais uma pazinha de cal no projeto série B 2016 do "cavalo paraguaio" de SC.
Nesse meio tempo, me chama a atenção da matéria do portal Globo Esporte, com o título "Kleina evita rumores e reafirma desejo de ficar no Avaí até o fim do contrato", publicada na manhã de hoje. Ao ler seu conteúdo, ficamos sabendo que o nome do técnico azurra está valorizado, chamando a atenção de clubes como o Botafogo, mas informa que por enquanto tudo não passa de especulação.
Kleina afirma que nada chegou até ele, que soube pela imprensa e que vai fazer de tudo (?) para cumprir seu contrato até o fim da temporada. Ou seja, a matéria não se baseia em nada de concreto, não apresenta elementos informativos consistentes sobre os possíveis interessados, o que a torna completamente irrelevante do ponto de vista jornalístico. Falta de uma pauta? Foto Jamira Furlani

Nenhum comentário:

Postar um comentário