Leão versus sem mascote, o clássico

|
Um clássico na série A valendo quem sai da zona maldita, quem entra, qual técnico cai, que time segue vivo e quem vai ter que lamber as feridas em clima de terra arrasada. Embora sendo apenas a 26ª rodada, faltando ainda 12 para que se passe a régua nas esperanças de permanência na elite do futebol brasileiro, sabemos muito bem as bênçãos e maldições que normalmente afligem Avaí e Figueirense após esse confronto. Hoje, até um empate é ruim para o Leão e para o sem mascote.
Um ponto separa os adversários, o suficiente para que o multi colorido do Estreito esteja fora do Z4 e o Avaí, dentro. A verdade é que nem do lado de lá e nem do lado de cá da ponte existe qualquer dose extra de confiança, auto estima ou convicção da vitória. Se quando chegam em situações opostas já não há favorito, imagina agora em que esses dois insistem em flertar com a catastrófica queda para a segunda divisão. Sem rempo para o politicamente correto, que vença o... Avaí.

Nenhum comentário:

Postar um comentário