Gilson Kleina não é tanso

|
Desde ontem circula a informação do interesse da Ponte Preta em Gilson Kleina, já que Doriva foi de mala e cuia para o tricolor do Morumbi. Os factoides são difusos, nada há o que fazer senão esperar o decorrer dos dias. Entretanto, faltando apenas nove rodadas para o término do campeonato, o bom senso aponta que o técnico avaiano não cometerá tamanha bobagem. O mercado da bola é cruel e vingativo, e sabe muito bem desprestigiar um profissional que troca uma equipe por outra de mesmo porte e num momento nevrálgico. Essa não é exatamente uma plantação de confiança entre os cartolas brasileiros. Kleina fica. Claro que fica. Eu acho... Foto Fernando Dantas Gazeta Press

Um comentário:

Sergio Nativo disse...

Desculpe mas não confio em técnicos, jogadores, dirigentes e políticos. Argel assumiu que não sairia do Figueira até poucas horas antes de assinar com o Inter, Cleber Santana poucos minutos antes falou ao meu amigo que não sairia do Avai por nada, por ele, familiai etecera e tal em seguida assinou com o Flamengo.

Postar um comentário