Avaí, de primeira

|
Raul quer Avaí errando menos - Os cinco pontos que separam Avaí e Fluminense da tabela, a três rodadas do final do Campeonato Brasileiro, tornam o jogo de domingo um duelo quase que direto contra o Z-4. Apesar de quase nula, os cariocas ainda têm 1% de chance de rebaixamento, e o Leão da Ilha tenta manter-se fora da zona.
Para o técnico Raul Cabral, ainda que o Flu não atravesse grande fase, é um adversário de respeito. Fez questão de elogiar os jogadores e o técnico Eduardo Baptista e reforçou que se quiser vencer no Espírito Santo, o Leão precisa errar menos do que na última quarta, diante do Joinville.
- Os resultados do Fluminense no segundo turno não são dos melhores. Mas como um todo, são atletas de qualidade técnica e um treinador muito bom. Então temos que ser inteligentes e vai ser um jogo de decisão, esperamos não errar tanto quanto na quarta-feira para alcançar o objetivo.
Para montar o time, o treinador não conta com Everton Silva, Romário e Eduardo Neto, todos suspensos. Além disso, em função do desgaste, apenas o trabalho de sábado servirá para definir a equipe, e Raul Cabral vai analisar outros fatores antes de escalar o Avaí.
- No lugar do Eduardo Neto tem o Renanzinho, que retorna, temos o Adriano e o Tinga. Temos Pablo e Rudnei também. Na esquerda, temos Marrone e Eltinho, mas eles não vêm jogando. Faz parte nesse momento, temos atletas pendurados e vimos que isso gera oportunidade nos demais para que eles trabalhem e busquem um lugar no time.
Fora do Z-4, o Avaí torce por um tropeço do Coxa, que encara o Santos, ou de uma vitória sobre o Flu para não entrar na zona. Para evitar correr riscos, a postura deve ser pensando no triunfo.
- Temos que pensar em fazer a nossa parte, não adianta pensar nos outros. A rodada ajuda ou atrapalha de acordo com teu resultado. Temos que tentar vencer lá, sabemos que é difícil, mas vamos tentar conseguir isso. via Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário