Pelo cumprimento das promessas

|
Muito já se comentou que o elenco do Avaí teria derrubado o técnico Gilson Kleina. E que a contrapartida da gurizada seria jogar com a alma para permanecer na série A, independente dos salários serem quitados ou não. E caso a missão seja cumprida, a diretoria garantiu que aquele prêmio de R$ 1,5 milhão seria acrescido de mais meio milhão. Deu certo contra o Joinville, não deu certo contra Fluminense. Que venha a Ponte Preta, depois o Corinthians e aí a gente vê no que é que deu toda essa rodada de promessas entre cartolas e boleiros do clube. Foto Divulgação AFC

3 comentários:

Sergio Nativo disse...

Se jogar o que jogaram contra JEC e Flu, vão Fuu

Diego Feliciano disse...

É contra o Fluminense deu muito errado! Agora é esperar que esse bando de marmanjo mimado honrem as calças que vestem!

Unknown disse...

Quer dizer q jogador entende e manda mais q Diretoria? É só evidências de falta de planejamento e experiência. Vamos ver o q vai acontecer. Vadico

Postar um comentário