A vergonha, ela não tem limites

|
Sérgio Ramírez, um ex-componente da diretoria do Joinville, uma das mais atabalhoadas de SC, recebeu convite para assumir o Departamento de Futebol do Avaí mas preferiu aceitar o chamado para ser técnico do... Guarani de Palhoça. Nilton Macedo e seus muitos assessores com certificação ISO 9001, partiram para o plano B, Eduardo Costa, sem nenhuma experiência para a função.
Ontem a diretoria azurra adiantou para a imprensa que já estava tudo certo, mas hoje somos informados que o ex-volante também decaiu do convite. Nesse momento, portanto, a área teoricamente mais importante do Avaí está acéfala, sem poder ir ao mercado, contratar e planejar 2016. Senhores e senhoras leitores desse blog, a nossa vergonha, ela simplesmente não tem limites. Ou tem, mas esses cartolas lotados no Sul da Ilha não a conhecem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário