Todo nosso carinho ao Avaí FC

|
Com um elenco-base que lutou para não cair no Estadual, a queda do Avaí para a série B não é nenhuma surpresa. Destaque para quatro "heróis" às avessas. Chico Lins e Carlos Arini, duas "vacas de presépio" no Departamento de Futebol, que não devem segui na Ressacada em 2016.
Depois, o vice-presidente Francisco Battistotti, o cara que efetivamente contratou e contratou muito mal. Por fim e principalmente, Nilton Macedo, um dirigente ausente, passivo, que não entende de futebol e confiou a formação de um plantel profissional aos três senhores anteriormente citados.
Queda justa e merecida por tudo o que não foi feito em 2015. Pedagógica, não, pois nossos cartolas são incapazes de aprender com os erros. Mas nada disso ofusca a nossa paixão, o carinho ao Avaí FC, o clube que aprendemos a amar e que não trocamos por nada nesse mundo. Voltaremos!

10 comentários:

Unknown disse...

Fatissimo

Eron disse...

Subimos sem merecer, caímos merecendo. O Avai vai precisar de uma mudança radical, é muito amadorismo. Eron

Rafael disse...

Nós nunca aprendemos a lição. Todo ano é salário atrasado, quadrangular da morte no Estadual, falsas promessas, incompetência administrativa, gestão amadora... Com tudo isso, os caras se elegem. A culpa não é deles. A culpa é dos entendidos que sempre votam nesses caras. E ainda enchem o saco do cara com o blá-blá-blá de avião russo, chineses, portugueses. A culpa é dos "entendidos".

João Márcio Lopes disse...

Se o Avaí jogasse todos os jogos com a mesma valentia de hoje, especialmente aqueles disputados em casa, permaneceria na série A, mas a vida segue...

azulão disse...

Gerson não volta mais,time sem dinheiro,3 meses de salario atrazado,olha o futuro desse time é negro,vamo reza se não ser pior ano que vem,não confio mais nessa diretoria!

Sérgio disse...

A impressão que tive no pós jogo é que os responsáveis não perceberam os motivos da queda. Foram tantos que é até um desafio enumerá-los. Espero que o presidente siga os conselhos da esposa e vá cuidar de sua vida particular e que apareça finalmente um presidente profissional e que o conselho acorde de sua eterna hibernação... Mas aí já estou querendo de mais.

George Porto disse...

O Amado perdoe tem muito burro comandando o AVAÌ. Não tem condição de um time profissional navegar na bateira de gente que não entende nada de pescaria. CHEGA VAI EMBORA TODO MUNDO!!!!!!!!!!!

Planalto Artefatos de Madeira disse...

E o caso YAGO? Ou o Avaí vai dormir no ponto outra vez?

Gilberto disse...

Vai dormir outra vez, amigo. Que ninguém tenha dúvida disso. E isso porque o presidente é desembargador aposentado. Mais de 40 anos militando no Direito e vão dormir outra vez. Piada!

Pablo Antony disse...

O Avaí, é sem dúvida, dos rebaixados de ontem, o maior merecedor deles. Fez de tudo pra que isso acontecesse. Não vamos esquecer que isso também não aconteceu no estadual por conta de um jogo de cumpadre na partida final.
Estamos cercados de pessoas incompetentes, que não entendem nada de futebol e que acham que entendem de tudo.
Pode um time do nosso porte disputar a série A praticamente inteira sem patrocínio Master?
Pode este mesmo time ter elenco ridículo, ficar com 3 meses de salário atrasado?
Pode esse mesmo clube festejar algo no ano?
Eu acho que os Deuses do futebol ainda foram muito bonzinhos com o Avaí, que já devia estar rebaixado há rodadas atrás.
Anos se passam e o DNA de série B na administração do Avaí cada vez fica mais forte.

Sou avaiano de todo coração, mas não me iludo mais com o legado inestimável do Avaí FC.

SDS Avaianas.

Postar um comentário