Direção perdida, Avaí perdendo

|
Depois de começar 2016 com os mesmo problemas financeiros de anos anteriores e sem ações que demonstrem o amadurecimento administrativo dessa diretoria, ontem ficamos sabendo de mais um prejuízo considerável ao Avaí FC. Depois do zagueiro Philipe Maia, chegou a vez do lateral Eltinho e do atacante Roberto ganharem uma liminar da Justiça para encaminharem suas rescisões em virtude de atrasos salariais e não recolhimento do FGTS.
Mas não apenas desligamento, já que o Avaí ainda pode ser condenado a pagar R$ 300 mil para cada um, referente aos salários que receberiam até dezembro. Não bastassem as contratações de cartolas e atletas na categoria de "promessas" e falhas de comunicação continuadas, o pacote de serviços prestados por Nilton e cia nesse início de temporada ainda vem com um amadorismo épico que entrega jogadores de mão beijada para a Justiça do Trabalho. Fotos site Avai FC

10 comentários:

guilherme disse...

O amado tem que escutar a amada e se retirar rápido. Do jeito que vai a gestão dele os passivos financeiros só aumentam. Se continuar neste ritmo ele vai falir o clube em curto prazo...!!!!!!!!

George Porto disse...

SE O AMADO NÃO SAI O AVAI CAI NO CATARINÃO E NA SÉRIE B.

JAISON EDUARDO disse...

FORA NILTON FORA NILTON

Sandro Azevedo disse...

Nem o sobrinho emprestado (Eltinho) aliviou?? Tá feia a coisa....

Unknown disse...

2 ruim, fala sério...

Luís disse...

A gente fica nessa frescuragem de "amado" pra cá, "amado" pra lá e de concreto não fazemos absolutamente nada. O cara está destruindo o Avaí Futebol Clube a passos largos e está todo mundo esperando de braços cruzados que essa naba resolva deixar o cargo. E se não deixar? E se o ego falar mais alto (hipótese que eu acho a mais provável)? Vamos esperar o Avaí cair para a C, depois para a D e ficar lamentando a incompetência do sujeito? Está mais do que na hora de se organizar um grande protesto - PACÍFICO! - na Ressacada para EXIGIR a saída desse incompetente e de todos os que o rodeiam. Não pode sobrar um! Cadê o Conselho que não se mexe? Tem que tirar esse cara de lá, auditar as contas do clube com uma auditoria externa, cobrar responsabilidades, e a partir dai traçar um novo plano de gestão com alguém que ame o Avaí, que entenda de futebol e que tenha tempo para dedicar ao Avaí. Ainda não consegui digerir - dentre dezenas de ações desde a última gestão até a do atual mandatário - o tal patrocínio master dos chineses que o Avaí estampou durante meses e não recebeu um centavo. E nada foi feito? O que é isso? Cada vez que leio as notícias do Avaí é um convite a mais para assistir futebol americano, rugby, basquete e por aí vai...

Sergio Nativo disse...

Voces acham que em 2016 a administração de Niltão sera diferente dos anos anteriores. Vencer não deve ser o lema dele. Agora ca para nos. lidar com peladeiros é foda. O Corinthians foi campeão brasileiro com os salários atrasados. Hoje como campeão seu jogadores sairão para ganhar milhões. Quando vai ganhar jogadores reservas e rebaixado como Eltinho e Roberto? Estão colhendo que plantaram. Oh coitados! O Avai não deve nada a eles. Afinal, não mostraram nada de produtivo. Como queriam receber sem trabalhar? Duas decepção. O proprio Roberto deve nos seu pés o gol que podia manter o Avai na Serie A e garantir o seu salario, mas o pé murcho perdeu mais uma vez. Já vão tarde.

Paulo disse...

Embora não acredite que uma assessoria jurídica com o curu, tenha sido uma estratégia para forçar a rescisão destes encostados!

Guilherme disse...

é evidente que o Eltinho está processando o Avaí com o consentimento do Sr. Nilton, afinal não vai mexer no bolso dele. O Avaí pouco importa. Não tem nada no estatuto que condene ex presidente por dívidas adquiridas?

Rafael disse...

Tá tudo certo. Em 2017 os avaianos "inteligentes" vão lá e reelegem o cara. Simples! E depois nós ficamos lamentando.

Postar um comentário