A coletiva pós-jogo de Raul Cabral

|
"Imaginávamos que o Criciúma jogaria dessa maneira, com uma marcação baixa, para jogar no contra-ataque. Jogaram em cima do nosso erro. O Criciúma teve êxito nas oportunidades. Foi feliz no que propôs e saiu coma  vitória. Tenho estatísticas do jogo. Finalizamos mais. Acho que a terminação da jogada não foi a ideal. No primeiro tempo, tivemos dificuldade de passar pela marcação deles. Tentamos pelo centro, mas o Criciúma estava bem fechado. No segundo tempo, giramos mais a bola e conseguimos criar pelos lados. Só que não conseguimos ter êxito."
Erro na saída de bola - "Nnão vejo o principal erro da nossa equipe na saída de bola. Ela foi muito boa. No primeiro gol, a gente perdeu a bola, parou no lance achando que fosse uma falta. O Saci foi muito inteligente, levou a bola ao fundo e cruzou para trás. Em relação à saída de bola, a gente não vai abrir mão de jogar. Não vai ficar no chutão e no erro dos outros, como alguns fazem."
Diego Jardel - "A torcida vai exigir sempre do jogador. Em relação à função dele no campo, foi a mesma do jogo do Metropolitano. Que ele fez dois gols e disseram que era o melhor jogador. A gente tem uma movimentação com o Diego, que vai para dentro. Só que o Criciúma estava bem postado e não dava espaço pelo centro. Pedi para ele atuar no lado."
A derrota - "Ela prejudica, mas serve de aprendizado. A gente tem um time jovem, que vai mostrar maturidade com a derrota. Tem que buscar. Não será essa derrota que vai colocar tudo a perder."
Falta de paciência - "A gente jogou contra um equipe forte. Acho que a torcida tem que ter um pouco de paciência. Não adianta vaiar os atletas quando termina o primeiro tempo. O atleta vai sentir."
Lucas Fernandes - "A gente tem trabalhado como Lucas. Ele fez algumas partidas como titular. Ele tem apresentado uma condição boa. Ele está começando a aguentar melhor essa pegada. Achei que o Lucas entrou bem novamente. O mais importante é ter um grupo qualificado."
Estreia de Célio Santos - "Ele fez cerca de 55 minutos hoje. Acho que foi bem em relação ao que ele vinha apresentando nos treinos. Fisicamente, ele é um atleta muito forte. Acredito que ele fez um bom jogo." Raul Cabral via Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário