Duelo de opostos

|
A líder entra em campo para acabar de vez com as pretensões de um time grande e se manter na ponta. À frente do Joinville pelo saldo de gols, o Verdão do Oeste aposta na força da torcida e na má fase do adversário para se manter invicto na competição e 100% no returno.
São quatro jogos consecutivos sem vitória do Avaí - três deles no estadual e um pela Primeira Liga. A fase não é boa, e o técnico Raul Cabral está pressionado. Os jovens não têm dado a mesma resposta do turno, e o time é lanterna. As chances de chegar à final são poucas, e o objetivo é tentar consistência para a Série B, que tem início marcado para o mês de maio.
Chapecoense: sem poder contar com o lateral-direito Gimenez, que vai cumprir suspensão nesta rodada, Guto Ferreira deve improvisar Gil novamente na função - o volante atuou no setor na ausência do titular quando ele estava lesionado. Desta forma, uma vaga fica aberta no meio-campo, e Andrei, Moisés e Nenén brigam pela posição. A provável formação alviverde tem: Danilo; Gil, Marcelo, Willian Thiego e Dener Assunção; Moisés (Andrei ou Nenén), Cleber Santana e Lucas Gomes; Ananias, Maranhão e Bruno Rangel.
Avaí: em busca de uma vitória diante do Verdão do Oeste, Raul Cabral vai promover mudanças na equipe azurra. No ataque, William é desfalque e fica em tratamento para curar uma gripe e um machucado no tornozelo, enquanto Vitor Costa vai começar a partida no banco de reservas por opção. Para as respectivas posições, o comandante escolheu Tauã e Paulinho. Desta forma, o Leão vai entrar em campo com: Renan; Renato, Gabriel, Antônio Carlos e Paulinho; Judson, Braga (Rafinha) e Caio César; Iury, Romulo e Tauã. via Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário