Copa do Brasil e reforços

|
"O Avaí não pode ser eliminado hoje na Copa do Brasil. É claro que há um adversário do outro lado e que tem a vantagem de até empatar, mas os cinco grandes do Estado estão na obrigação de avançar para a segunda fase. O problema é que o Leão joga também contra ele mesmo, com um time sem confiança e que erra muito em todos os setores.
Vai ser preciso superar ainda a cobrança que vai vir da arquibancada. É um desafio bem difícil pelo momento que o time atravessa. Até a questão política atrapalha, com uma semana pesada, em que a discussão também foi o balanço divulgado e extremamente negativo. A vitória e a classificação devem trazer um pouco de paz. A partir daí, estes novos nomes que vão chegar vão trazer um novo ambiente interno e uma nova expectativa entre os torcedores. Vale muito para o Avaí a classificação!
Concorrência forte no mercado - O lateral e zagueiro Alemão esteve realmente muito próximo do Joinville. Internamente, o clube já contava com a chegada dele para a Série B. A entrada do empresário Eduardo Uram, parceiro do Avaí no negócio, mudou o destino dele, que vai chegar na Ressacada até o final desta semana (...).
A lista do Avaí aumenta - Os já trazidos aqui são o atacante Vinícius Pacheco, o lateral-esquerdo João Paulo, o volante/meia Jajá e o lateral Alemão. Ontem, mais dois nomes: Romarinho, do Inter de Lages, que está com tudo acertado já, e o zagueiro Fábio Sanches, que está no XV de Piracicaba, com uma passagem pelo Avaí em 2009. Duas indicações de Silas." Rodrigo Faraco via DC

Nenhum comentário:

Postar um comentário