Avaí perde para o Bragantino

|
O Bragantino é mesmo uma pedra no sapato do Avaí. Após eliminar o Leão da Copa do Brasil, o Massa Bruta venceu por 1 a 0 ontem, em duelo válido pela sétima rodada da Série B do Brasileirão.
O jogo - O Braga chegou perto de abrir o placar, não fosse o goleiro Renan. Watson recebeu na entrada da área e bateu rasteiro. O arqueiro foi elástico e defendeu sem susto. Quando estava melhor na partida, o Bragantino anotou. Após jogada na ponta direita, Bruno Pacheco cruzou rasteiro e Eliandro apareceu livre de marcação para escorar para o fundo das redes: 1 a 0.
Com o gol sofrido, o Avaí passou a equilibrar a partida, mas não acertava as finalizações. Aos 39min do primeiro tempo, o atacante Lucas Fernandes recebeu o segundo cartão amarelo por simulação dentro da área e, na sequência, levou o vermelho, deixando o time com um jogador a menos.
Com a diferença numérica e no placar, o Leão da Ressacada até assustou nos acréscimos. Lucas de Sá mandou a bola para a área e quase surpreendeu o goleiro Felipe. Já na volta do intervalo, o Bragantino aproveitou o jogador a mais em campo e imprimiu velocidade ao ataque.
Aos 14 minutos, Bruno Pacheco cobrou falta perigosa, que deixou o goleiro Renan torcendo para a redonda ir para fora. Dois minutos depois, jogada muito parecida. Bruno Pacheco cobrou mais uma falta e obrigou o arqueiro a se esticar e dar um tapa para salvar o time do Avaí.
O goleiro Renan ia salvando o Leão de sofrer mais gols. Léo Jaime, cara a cara com o defensor, tentou dar um toque por cima de Renan, mas não conseguiu obter êxito. E o atacante participou de outra jogada ofensiva. Dessa vez, Léo rolou para Leandro Brasília, que se atrapalhou e acabou perdendo grande chance. Sem sofrer muito, o Bragantino manteve a bola nos pés e apenas esperou o apito final do árbitro para garantir a vitória por 1 a 0. via Gazeta Esportiva

Um comentário:

Sergio Nativo disse...

Silas agora tem time, mas não tem esquema que faça o time jogar.

Postar um comentário