Sem invenções, Silas

|
"Melhorou - A imagem após o gol de empate de Avaí mostrada insistentemente pelo canal fechado e demonstra o que tem sofrido a nação azurra: dois senhores se benziam com a mão esquerda após a boa jogada de Diego Jardel e o golaço de bate pronto de Rômulo empatando o jogo contra o Atlético (GO), vice líder do Brasileiro na Série B. 
Nesse jogo entendo que o Avaí apresentou melhora, muito pela movimentação que Diego Jardel deu à meia cancha - e olha que ele só entrou pela contusão de uma zagueiro improvisado na lateral, numa escalação que teve um lateral improvisado no meio no início do jogo. O erro inicial de Silas foi corrigido pela contusão de Célio Santos, mostrando que era possível armar de forma diferente o Leão, mesmo com o DM cheio. Agora é apostar que o Avaí volte a jogar, confiando nos seus jogadores e não tendo invenções de Silas.
Vida que segue - Ser deixado de lado, primeiro no banco, depois fora da relação, deve ter sido cruel para Diego Jardel. O atleta merecia ser mais bem aproveitado em meio a tantos erros cometidos no meio avaiano nos últimos jogos. A queda de rendimento ocorreu, é verdade, mas ser deixado de lado a ponto de estar fora dos planos em algum momento foi uma decisão forte demais e que pode ter sido considerada como um erro grosseiro após o jogo de ontem. Como afirmei ontem aqui, Jardel não é o ultimo biscoito do pacote, mas exceto Pacheco ninguém apresentou melhor futebol do que ele no meio azurra. E Romulo tem vaga no time do Avaí." Claudionir Miranda via Infoesporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário