Aproximação do Avaí com o Flamengo

|
"Os presidentes do Avaí, Francisco Battistotti, e do Flamengo, Eduardo Bandeira de Melo, saíram juntos da reunião da Primeira Liga, na terça-feira para um jantar na capital. Tratavam de muitas questões que podem aproximar os dois clubes na temporada 2017. Entre os assuntos, uma integração maior entre os Departamentos de Futebol, entre Joceli dos Santos e Rodrigo Caetano.
Além disso, a aproximação pode trazer alguns atletas da Gávea para a Ressacada. Mas o principal mesmo desta aproximação pode vir na área administrativa. Bandeira de Melo é reconhecido hoje por ter acertado a gestão e as finanças do Flamengo. É um dos pontos que o Avaí tem no topo das prioridades para o próximo ano.
Gabriel, único catarinense na Seleção de Micale - Já escrevi várias vezes aqui sobre o talento que ele tem e o futuro que pode ter no futebol. Pois o zagueiro Gabriel está entre os convocados para o Campeonato Sul-americano sub-20 do Equador. É o único atleta do futebol catarinense na lista final. A competição começa no dia 18 de janeiro. Micale fechou a lista de 23 convocados e anunciou nesta quarta-feira. É a principal categoria na formação de atletas e o Sul-americano é classificatório para o Mundial, que vai ser na Coreia do Sul, no meio do ano." Rodrigo Faraco via Hora de SC

Um comentário:

Aloísio Campeche Silveira disse...

Esta relação com grandes clubes é de certa forma preocupante no meu modo de ver. Qual o interesse de cada lado?! - O que se observa é que o dito "grande" clube vem atrás de jogadores que estão em alta nos ditos clubes "pequenos ou médios", e, querendo pagar muito abaixo do valor real, ou, pior ainda, nem queerendo pagar, oferecendo em contrapartida jogadores que não estão sendo aproveitados e de nével técnico discutível, por vezes "cheios de marra" por se originarem de clubes mais consagrados.

É preciso muito cuidado com este tipo de aproximação que na maioria das vezes enche o nosso clube de promessas e poucos resultados.
Além disso precisamos valorizar mais as nossas "crias" na hora da negociação, nenhum clube grande se interessa por jogadores que não tenham mostrado potencial, se eles querem é porque o cara é bom.

Postar um comentário