Avaí enfrenta o Santos por vaga

|
O Avaí tem, nesta sexta-feira, mais um desafio pela Copa São Paulo de Futebol Júnior. Com 100% até agora, o Leão da Ilha quer manter o aproveitamento diante do Santos para conquistar uma vaga nas oitavas de final, às 17h, na Arena Barueri. Depois de quatro vitórias nas quatro primeiras partidas, porém, também conta com uma "margem de erro". O time catarinense pode, inclusive, manter-se vivo na Copinha em caso de derrota.
Sim. O Avaí luta para bater o Santos e chegar entre os 32 melhores da competição sem depender de nenhum outro resultado. Mas existe essa alternativa, já que para formar o chaveamento das oitavas, a Federação Paulista de Futebol, além dos 15 vencedores, precisará de mais um time. Ou seja, entre os derrotados, o que tiver a melhor campanha acumulada na competição da primeira rodada até esta terceira fase, segue na disputa.
Atualmente, com quatro vitórias cada, os quatro times mais bem classificados são, pela ordem, Corinthians (15 gols de saldo, 18 gols pró), Internacional (também 15 de saldo, mas 16 gols pró), Avaí (saldo 10) e Bragantino (saldo 8). Se, por exemplo, apenas um deles perder seu jogo eliminatório, automaticamente continuará na disputa da Copinha.
Outro exemplo: se o Corinthians for eliminado no tempo normal e o Avaí cair nos pênaltis, o Leão  estará salvo da eliminação, pois terá somado um ponto a mais no geral - quatro vitórias e um empate (13 pontos) contra 12 do rival.
Para não depender de tropeços dos outros clubes com campanhas perfeitas até agora, o Leão aposta em Vinícius Baiano, artilheiro do time com 4 gols, e Getúlio, que marcou três vezes até agora. Guga, lateral-direito, também é um dos destaques antes mesmo do início da competição, além de Liniker, atacante que integra a equipe profissional do Leão.
O adversário - O Santos é um rival de respeito pela sua história. Clube reconhecido pela formação de atletas, como Robinho, Diego, Ganso e Neymar nos últimos anos, o Peixe está entre os times que mais levantou a taça da Copinha, com três títulos. Porém, neste ano, o Alvinegro praiano deixa a desejar: classificou na fase de classificação com apenas uma vitória (e pelo placar mínimo) e dois empates. Na segunda fase, outra vitória magra diante do Flamengo-SP, por 1 a 0. Apenas quatro gols marcados em quatro jogos. via Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário