O Avaí, na dele

|
"Seguro, sem correr riscos, jogando para somar pelo menos um ponto em Joinville. O Avaí teve até a grande chance da vitória, com o pênalti perdido por Marquinhos, aos quatro minutos do segundo tempo. M10 bateu mal, no meio do gol. Mas o ponto somado no Norte do estado é importante e é ponto ganho na campanha de liderança no turno do Catarinense.
O Avaí ainda teve as três melhores finalizações do jogo, uma com Junior Dutra, no primeiro tempo, e as outras duas com Marquinhos, a 40 segundos da segunda etapa, e Romulo já no final da partida. Não foi um jogo muito movimentado. Teve mais a cadência do bom toque de bola do Avaí.
O Joinville não ofereceu riscos. Apesar da pressão inicial e do volume de jogo do segundo temo, não conseguiu furar a barreira defensiva do Leão. O turno segue nas mãos do Avaí, agora com 13 pontos. Mas ainda há disputa. Só que o time de Claudinei Oliveira mostrou mais uma vez que está muito forte.
Na Ressacada - Faltam quatro rodadas para terminar o turno e o Avaí, além de ter a melhor campanha, tem ainda um outro trunfo em relação aos concorrentes: são três jogos na Ressacada das quatro partidas que restam. Contra o Brusque, que aparece como um destes rivais, já na próxima rodada, o jogo tem cara de decisão e o Avaí faz esta decisão diante do seu torcedor.
Tem ainda o Figueirense na Ressacada, um clássico, sempre imprevisível, depois o Almirante Barroso, fora de casa, e termina o turno recebendo o Inter de Lages. Então, pelo que vem jogando, pela diferença de pontos na tabela, e pelos jogos em casa, o Leão segue como o grande candidato ao título e à vaga para final. É claro que o futebol é dentro de campo e nos jogos, mas a análise neste momento não pode ser diferente." Rodrigo Faraco via Hora de SC

Nenhum comentário:

Postar um comentário